Reprodução Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Um em cada seis homens tem câncer de próstata no Brasil, doença que é a segunda principal causa de morte por câncer de pessoas do sexo masculino no país – cerca de 14 mil óbitos por ano. Os dados, do Instituto Nacional de Câncer (Inca), servem de alerta para que os homens não deixem a saúde de lado. Apesar do alto índice da doença, o levantamento mostra que metade dos brasileiros nunca foi a um urologista.

“Infelizmente ainda há muito bloqueio por parte do público masculino em relação ao exame do toque retal. Felizmente, isso tem melhorado um pouco ao longo dos anos. Associado a esse tabu, de ser um exame um pouco mais evasivo, de mexer com a parte da sexualidade masculina, o homem acaba ficando com um pouco mais de receio de ir ao médico”, ressalta Felipe Costa, médico urologista do Hospital do Homem, na capital paulista.

O câncer de próstata, assim como a pressão alta e o diabetes, é silencioso. De acordo com o médico, a única forma segura de se precaver em relação à doença é a consulta clínica. Homens a partir dos 50 anos devem realizar o exame anualmente.

“Há grupos com fator de risco maior para o câncer de próstata: são os negros e aqueles indivíduos que têm história na família com câncer de próstata abaixo dos 60 anos. Para essas pessoas, a partir dos 40 ou 45 anos, eles já devem ter um acompanhamento direcionado para diagnosticar a doença”, ressalta o médico.

Doença lenta

O câncer de próstata, na maioria dos casos, cresce lentamente, não causa sintomas e, no início, pode ser tratado com bastante eficácia. Em outros casos, no entanto, pode crescer rapidamente, espa

O câncer de próstata, assim como a pressão alta e o diabetes, é silencioso. De acordo com o médico, a única forma segura de se precaver em relação à doença é a consulta clínica. Homens a partir dos 50 anos devem realizar o exame anualmente.

“Há grupos com fator de risco maior para o câncer de próstata: são os negros e aqueles indivíduos que têm história na família com câncer de próstata abaixo dos 60 anos. Para essas pessoas, a partir dos 40 ou 45 anos, eles já devem ter um acompanhamento direcionado para diagnosticar a doença”, ressalta o médico.

Doença lenta

O câncer de próstata, na maioria dos casos, cresce lentamente, não causa sintomas e, no início, pode ser tratado com bastante eficácia. Em outros casos, no entanto, pode crescer rapidamente, espalhar-se para outros órgãos e causar a morte.

“O exame é extremamente rápido, é feito com anestésico local, de uma forma que provoque menos incômodo para a pessoa. Ainda hoje é uma das formas mais seguras e eficientes que a gente tem para poder diagnosticar o câncer de próstata na forma mais inicial”, destaca o médico.

Além do exame preventivo, os médicos recomendam que sejam evitados outros fatores, já conhecidos facilitadores da doença, como alimentação pobre em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais; sedentarismo, consumo de álcool e tabaco.

Segundo o Ministério da Saúde, estimativas apontam que ocorreram 68.220 novos casos da doença em 2018. Esse número corresponde a um risco estimado de 66,12 casos novos a cada 100 mil homens.

A próstata é uma glândula presente apenas nos homens, localizada na frente do reto, abaixo da bexiga, envolvendo a parte superior da uretra (canal por onde passa a urina). A próstata não é responsável pela ereção nem pelo orgasmo. Sua função é produzir um líquido que compõe parte do sêmen, que nutre e protege os espermatozoides. Em homens jovens, a próstata possui o tamanho de uma ameixa, mas seu tamanho aumenta com o avançar da idade.

Descubra os alimentos que ajudam na prevenção do câncer de próstata:

Neste mês, é comemorada a luta contra o câncer de próstata. Chamado de Novembro Azul, os trinta dias pretendem conscientizar os homens a perder o preconceito e fazer o exame de toque para cuidar da saúde. Além dos cuidados médicos, a doença também pode ser prevenida pela alimentação. Em conversa com o R7, Sonja Salles, consultora da Organofit, nutricionista e diretora da Nutrinew Cursos, deu dicas dos alimentos e práticas que podem mudar o rumo de sua saúde por meio do prato

Segundo a profissional, a alimentação tem um papel de extrema importância na prevenção da doença, tudo isso por conta de alguns alimentos que têm características de extrema importância na regulamentação do organismo. Entretanto, uma alimentação balanceada, não dispensa a necessidade da prática de exercícios físicos e de exames preventivos periodicamente.

O consumo de porções de frutas e legumes regularmente é muito importante nos cuidados com a saúde em geral, mas contribuí extremamente na prevenção, como colocou Sonja.

— O câncer de próstata pode ser evitado com alimentação balanceada, exercícios físicos e exames preventivos anuais depois dos 40 anos. O homem deve consumir 5 porções de frutas e/ou vegetais diariamente. Vermelhos e roxos devem ter preferência

O tomate é um dos alimentos mais eficazes na prevenção deste tipo de câncer. Segundo a nutricionista, o fruto contém uma grande quantidade de lipoceno, um importantíssimo antioxidante com estudos que apontam sua eficácia contra a doença. Entretanto, prefira a versão cozida do tomate, já que, com esta forma de preparo, a absorção é ampliada.

O molho de tomate feito em casa ou uma sopa de tomate feita de forma artesanal deve ser consumida com frequência, pois é uma excelente fonte de licopeno pronta para ser absorvida pelo motivo do tomate ter sido aquecido e temperado com azeite. Quando comemos o tomate cru na salada por exemplo, não temos o licopeno tão biodisponível para absorção como quando comparado ao cozido. O aquecimento e a mistura com uma gordura (no caso o azeite) favorece esta absorção

Na hora de montar um cardápio, prefira alimentos integrais e de baixo índice de gordura, como as carnes brancas, frutas e vegetais. 

Frutas, vegetais, carne branca e alimentos integrais são uma excelente pedida.

Entretanto, além de acrescentar alguns alimentos à dieta, também é necessário excluir ou diminuir o consumo de outros. Sonja alerta que o consumo excessivo de carne vermelha, açúcar refinado, embutidos e carnes salgadas é benéfico na hora de prevenir o câncer de próstata

Confira uma lista completa de alimentos que ajudam na prevenção do câncer de próstata:
Tomate
Brócolis
Couve-flor
Couve de bruxelas
Repolho branco e roxo
Nabo
Couve