MPIndios Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

A Rua Sebastião Ramos, localizada no bairro de São Cristóvão, foi palco de violência na noite dessa terça-feira (14), em Palmeira dos Índios.

O jovem identificado com sendo Josivaldo Soares da Silva, 21 anos, mais conhecido como “Bahia” e  seu amigo João Victor Bezerra da Silva, os dois residentes no Conjunto Habitacional Brivaldo Medeiros, trafegavam em uma motocicleta Sundown/Max 125 de placa QLL-2832, quando foram atingidos por disparos de arma de fogo.

Informações dão conta que, “Bahia” seria passageiro de  João Victor que exerce a profissão clandestina de  mototaxista. Eles teriam sido surpreendidos por um homem desconhecido que após efetuar disparos fugiu a pé.

João Victor foi atingido na região da cabeça e teve morte cerebral, vindo a falecer no início da tarde desta quarta-feira (15), Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca.

Já “Bahia” morreu na madrugada desta quarta-feira na UPA, enquanto aguardava uma ambulância para ser transferido para o Hospital de Emergência do Agreste.

O caso está sendo investigado pela 5ª DRP de Palmeira dos Índios.