Reprodução 15ca28e8 d537 4217 a254 522c01d20976

Se você era um dos poucos usuários de Windows Mobile 10, é hora de começar a dar adeus a ele. A própria Microsoft, na figura de Joe Belfiore, vice-presidente reponsável pelo design do sistema operacional mobile da empresa, twittou sobre o fim melancólico.

Segundo o executivo, "criar novos apps ou novos recursos não é o foco da empresa", embora afirme que as atualizações de segurança continuarão normalmente.

O problema é a falta de apps, confirmou Belfiore. Na verdade, é um círculo vicioso, uma vez que o baixo número de usuários não incentiva aos desenvolveres criarem novos apps. A empresa afirma ter tentado resolver esse quadro, mas foi em vão.

"Tentamos MUITO incentivar os desenvolvedores de apps. Demos dinheiro, escremos aplicativos para eles, mas o volume de usuários é muito baixo para as empresas investirem", completou Belfiore em outro tweet.

Assim como Bill Gates, Belfiore afirma que utiliza um telefone Android com programas da Microsoft. É o que fará a empresa daqui pra frente: reforçará sua empresa em outras plataformas, como o lançamento do navegador Edge para iOS.